As páginas misteriosas dos Peanuts

Por Marcus Ramone
Data: 23 novembro, 2015

Mistério no reino dos Peanuts! Há dez anos, um colecionador norte-americano descobriu oito páginas coloridas com uma história de Charlie Brown e Lucy que não foi produzida por Charles Schulz, o criador dos personagens.

Datadas de 1957 e com desenhos assinados por Bob Davenport, as páginas formam um tabloide promocional lançado pelo centenário jornal The Des Moines Register and Tribune, de Iowa, Estados Unidos.

Na história, um cicerone não identificado apresenta as instalações da empresa aos personagens e explica a eles, passo a passo, como se faz um jornal.

Acontece que, apesar de uma nota de rodapé mostrar que os personagens estavam sendo usados sob permissão de Charles Schulz e da King Features Syndicate (distribuidora das tiras dos Peanuts, na época), não existe nenhum registro oficial dessa publicação.

Nem mesmo o Charles M. Schulz Museum and Research Center – fundado em 2000 e dedicado à memória do autor e de suas criações – tem qualquer informação a respeito.

Especula-se que o tabloide seria usado para distribuição a visitantes do Des Moines e que, por alguma recusa de cessão de direitos autorais ou mesmo pela impossibilidade de pagar por eles, tenha sido impressa apenas uma cópia.

Portanto, o feliz proprietário dessas páginas tem em mãos um tesouro inestimável, que, curiosamente, até hoje não foi levado a leilão.

Página da história publicada em The Des Moines Register and Tribune

Página da história publicada em The Des Moines Register and Tribune

Página da história publicada em The Des Moines Register and Tribune

• Outros artigos escritos por

.