Dragon Ball # 17

Por Rodrigo A. Machado
Data: 18 outubro, 2013

Dragon Ball # 17Editora: Panini Comics – Revista mensal

Autor: Akira Toriyama (roteiro e arte).

Preço: R$ 10,90

Número de páginas: 192

Data de lançamento: Setembro de 2013

Sinopse

Cinco anos após o último torneio de artes marciais, Goku vai à pequena ilha onde reside o Mestre Kame, em sua Kame House, e reencontra seus amigos Kulilin, Bulma e a tartaruga.

Para a surpresa de todos, Goku traz consigo seu primogênito Gohan, também filho de sua esposa Chichi.

Mas eles nem imaginavam que o pior estava por vir. Vindo do espaço, o alienígena guerreiro Raditz, irmão de Goku, pousa na ilha com o objetivo de lembrar Kakarotto, o nome verdadeiro do protagonista, de sua missão: exterminar os habitantes da Terra para vender o planeta para outra civilização.

Qual será a reação de Goku e dos outros diante da revelação de Raditz?

Positivo/Negativo

Nesta edição começa uma nova saga, na qual Goku já está adulto, casado e, quem imaginaria, com um filho. Dessa parte em diante, o mangá teve sua versão animada para a TV conhecida como Dragon Ball Z, mas nos quadrinhos o título nunca mudou.

O volume 17 começa com o final da luta entre Goku e Picollo, na final do torneio de artes marciais. Cinco anos depois, Goku reencontra alguns de seus amigos e inimigos e os apresenta seu filho Gohan.

E a história muda drasticamente. Afinal, não é sempre que alguém descobre que tem um irmão alienígena. E ainda que o próprio Goku é um extraterrestre da raça mais poderosa do Universo, os Saiyajin, do planeta Vegeta, e que seu nome verdadeiro é Kakarotto.

Para se ter uma ideia do poder dos saiyajins, os dois guerreiros mais fortes da Terra até então, Goku e Picollo, se juntam para lutar contra Raditz. E, pela primeira vez, o herói do mangá diz estar tremendo de medo, pois seu inimigo está além de tudo o que foi visto até o momento.

Entretanto, apesar de seu poderio e de usar dispositivos eletrônicos desconhecidos na Terra, Raditz é surpreendido pelo modo com que Goku, Picollo e até mesmo Gohan manipulam, por meio da concentração, seu poder de luta, conhecido no nosso planeta como ki.

Assim, Akira Toriyama inicia esta fase de Dragon Ball com boas surpresas, que empolgam e, ao mesmo tempo, prendem a atenção do leitor. O autor implementa novas informações e muda o universo em torno da história de forma esplêndida e com seus desenhos peculiares mantendo a qualidade dos últimos volumes.

A edição da Panini continua trazendo em suas páginas finais o glossário com curiosidades e informações culturais. Além disso, há páginas com as aberturas de capítulos que eram publicados semanalmente, antes de serem compilados em volumes; e, na contracapa, há m pequeno espaço com algumas palavras do autor.

Diante dos acontecimentos deste volume, é difícil o leitor não ficar na expectativa pelo próximo número de Dragon Ball.

Classificação

4,5

• Outros artigos escritos por

.