Tintim ganha mais dois livros teóricos especiais

Por Sérgio Codespoti
Data: 23 outubro, 2015

Dois novos livros sobre Tintim foram publicados no mercado franco-belga: Hergé, Tintin et les Trains (Hergé, Tintim e os Trens); e Les Animaux de Tintin (Os Animais de Tintim).

Hergé, Tintin et les Trains é um volume lançado pela Éditions Moulinsart em parceria com a editora Casterman e escrito por Yves Crespel e Benoît Verley, com colaboração de Emmanuel Collet.

O livro esmiúça a relação entre Tintim – e seu criador Hergé – com trens, locomotivas e tudo que se associa ao transporte ferroviário. A obra tem 60 páginas coloridas e é ricamente ilustrado com cenas dos álbuns de Tintim, fotos, mapas, desenhos técnicos e outras imagens de referência.

Não é a primeira vez que a Éditions Moulinsart lança um produto desse gênero. A editora já publicou Tintin, Hergé et les Autos (Tintim, Hergé e os Carros); Tintin, Haddock et les Bateaux (Tintim, Haddock e os Barcos); e Tintin et la Ville (Tintim e as Cidades).

O segundo lançamento especial, Les Animaux de Tintin, foi publicado pela revista Le Point. O volume tem capa dura, 128 páginas coloridas, com textos sobre ciência e história escritos por 34 autores, incluindo Philippe Goddin, Jacques Langlois e Thomas Sertillange.

Dentre os bichos discutidos no livro, estão: urso, rinoceronte cavalo, elefante, pombo, papagaio, macacos, diplodoco (um dinossauro), dromedário, aranha, cachorro, tubarão, gato, formiga, rato, mosquito, camundongo, guepardo, vaca, morcego, pega (pássaro), borboleta, enguia-elétrica e a serpente.

• Outros artigos escritos por

.