Maria, de Henrique Magalhães, ganha prêmio em Portugal

Por Marcelo Naranjo
Data: 31 outubro, 2016

Contando com uma trajetória de 41 anos, a personagem de tiras humorísticas Maria, do paraibano Henrique Magalhães, recebeu o prêmio de melhor álbum humorístico no Festival Internacional de Banda Desenhada de Amadora, em Portugal, um dos mais importantes da Europa.

O álbum Seu nome próprio… Maria! Seu apelido, Lisboa!, lançado em 2015, pela editora Polvo, do editor Rui Brito, concorreu com outros dois títulos, e foi premiado no último sábado, 29 de outubro.

A obra faz um apanhado da trajetória da personagem como uma forma de apresentação de suas várias fases e desenvolvimento. Embora baseado na edição Maria: quarentona, mas com tudo em cima, lançado no Brasil em 2015, pela Marca de Fantasia, a edição lusitana foi adaptada, descartando-se antigas tiras de caráter local e substituindo-as por novas, das fases mais recentes. Isto tornou o álbum inédito para o público de Portugal.

Para Henrique, a indicação de Maria já tinha sido de muito valor pelo reconhecimento da qualidade do trabalho, e ser premiado significa a confirmação de que o humor de viés político e de crítica social do autor brasileiro alcança uma dimensão universal, deslocando-se das questões imediatas e locais.

Este tem sido o desafio e uma das preocupações de Magalhães com sua obra: o de refletir sobre os problemas do cotidiano mais próximos e referentes à cultura brasileira, sem deixar de ser suficientemente amplo para ser atemporal e universal.

maria_capa

• Outros artigos escritos por

.